outubro 29, 2016

Vida



Não tens a noção das coisas que já vi nessa vida.
Esses olhos percorreram por muitas desgraças e bençãos.
As cores a surgirem diante de mim, flores a caírem do céu, 8 luas, uma de cada cor. Sorrisos gigantescos e coisas a derreterem.

O mundo visto duma forma nunca explicada por ninguém de forma correta
não, nem por mim.
Nascimentos, mortes e ressurreições.
Almas a bailar no ar, almas a serem puxadas, sugadas, levadas e devolvidas.


Energias maravilhosas e monstros em minha cabeça. O bem o Mal diante de mim. Escolhas.
Assassínos, psicopatas, amantes, amores, vida, morte, claro, escuro, verdade, mentira.
Loucura sã. Mais limpa possível.


Paisagens, erupções, florestas, castelos, luxo e pobreza.
Doença e saúde.
A decepção do saber. A alegria da sabedoria.

A vida é mais que isso. Dá para acreditar?
Química e natural.
Todos vamos morrer.
Essa é a única certeza?
Acho que não.

Nenhum comentário:

Postar um comentário